Login
DEMO

4 ações que ajudam a reduzir a rotatividade de funcionários no varejo

Formar um bom time de colaboradores é o desejo de 10 em cada 10 recrutadores, principalmente no mercado de varejo que exige profissionais qualificados e engajados. No entanto, a alta rotatividade de funcionários é um problema que impacta qualquer estratégia de gestão de pessoas, interferindo diretamente nos resultados do negócio.

Em um cenário de alta competitividade, comum no mercado de varejo também, atrair e reter bons talentosdeve ser uma prioridade para os gestores de RH, sendo necessário pensar estrategicamente, a fim de reduzir custos desnecessários com a rotatividade de funcionários.

Reduza a rotatividade de funcionários com dicas simples

O índice de turnover (rotatividade de funcionários) no varejo é um dos mais altos no Brasil, chegando a quase 40% e isso impacta, principalmente, a saúde financeira da empresa.

Os custos vão desde a admissão e demissão de funcionários, com o que é exigido na legislação trabalhista, até os custos não palpáveis, como a perda dos conhecimentos adquiridos pelo funcionário antigo e energia com treinamentos e integração de novos colaboradores.

Veja, a seguir, algumas dicas simples que podem ser facilmente implementadas nas empresas de varejo, para reduzir os altos índices de turnover.

1. Imersão de três a sete dias na empresa

A imersão empresarial é essencial na integração dos novos colaboradores. É nesse momento que ele irá absorver a missão, visão, valores e a cultura organizacional da empresa, garantindo que ele entenda efetivamente o seu papel na organização e as expectativas da empresa em relação ao seu trabalho.

No período de imersão, vale investir em palestras motivacionais, que traduzam os valores da organização e que possuem a capacidade de promover um verdadeiro processo de “encantamento” no colaborador. A imersão pode durar de três a sete dias, mas pode ser mais longa, dependendo da complexidade da função que o colaborador irá exercer.

2. Treinamentos teóricos e práticos

Um dos principais motivos da falta de motivação de novos colaboradores é a insegurança em desempenhar sua função, principalmente, quando estão em início de carreira.

Investir em treinamentos práticos e teóricos garante que a equipe esteja capacitada e preparada para desempenhar suas funções e ainda oferece um excelente retorno para a imagem da organização, que demonstra preocupação com a evolução pessoal e profissional do colaborador.

3. Acompanhamento próximo nos primeiros dias de trabalho

Para manter a retenção de talentos e evitar a alta rotatividade de funcionários, é essencial que o novo colaborador se sinta acolhido. Os primeiros dias em uma nova empresa não são fáceis, já que é necessário absorver um grande número de informações em um curto espaço de tempo.

Dessa forma, é importante que o profissional de RH realize um acompanhamento próximo do novo colaborador nos primeiros dias, a fim de identificar as principais dificuldades e manter um canal aberto de diálogo, o que favorece o desenvolvimento de vínculos afetivos.

4. Processo de integração e socialização mais intenso

Muitas empresas negligenciam o processo de integração de colaboradores. No entanto, trata-se de uma etapa essencial para reforçar a importância de trabalhar em equipe e somar forças em prol de um mesmo objetivo, o que é indispensável na área de varejo.

A integração deve ocorrer a partir do primeiro dia, para que o novo colaborador se sinta parte da equipe, favorecendo a adaptação e socialização.

5. Comunicação individualizada e contínua

Implantar e incentivar a cultura do feedback são práticas apreciadas pelos colaboradores, já que permitem mais segurança no exercício das atividades e sua evolução contínua, evitando frustrações resultantes de uma comunicação ineficiente.

Oferecer um canal de comunicação interno também é muito importante, pois evita ruídos e atitudes tóxicas no ambiente de trabalho, os quais favorecem o aumento da rotatividade de funcionários.

Leia também: Retenção de talentos – Como reter funcionários nos três primeiros meses de trabalho

A transformação digital vai deixar o seu RH mais estratégico

A alta rotatividade de funcionários e as burocracias que envolvem os processos de admissão e demissão demandam um bom tempo e energia dos profissionais de RH, o que dificulta a implantação de ações estratégicas para a atração e retenção de talentos.

No entanto, a boa notícia é que é possível automatizar esses processos burocráticos e deixar o seu RH mais estratégico,  focado nas demandas diretamente relacionadas aos resultados da organização.

Docly é uma plataforma 100% digital que realiza uma verdadeira transformação digital na gestão de RH, pensada especialmente para empresas com alta rotatividade de colaboradores e que estão em busca de inovação.

Para saber mais, acesse nosso site e solicite uma demonstração gratuita!

Baixe agora o nosso e-book e conheça as normas em relação a documentos nato digitais, assinatura eletrônica e documentos digitalizados.